• religar

PRAZERES TRANSITÓRIOS

PERGUNTA:  Porventura, a prostituição oficializada, sob regime disciplinar e, principalmente, vigiada pela saúde pública, não ofereceria melhor contribuição para diminuir tantos acontecimentos degradantes como estupros, "curras" e a facilidade com que os prostíbulos recebem novos acréscimos incessantemente, na figura das jovens inexperientes e entontecidas pelos maus cidadãos ou pelas ilusões?

RAMATÍS:  O problema é mais de esclarecimento espiritual, definição correta dos motivos e objetivos do metabolismo sexual, demonstração convincente e clara da função do espírito encarnado e dos motivos superiores de sua vida, num esforço de incessante libertação do instinto animal. Enquanto o homem ainda buscar prazeres nas coisas transitórias, efêmeras e até enfermiças, invertendo os valores espirituais no culto decepcionante da carne, não é o prostíbulo estatal ou federal, sob rigorosa assepsia, que irá solucionar um problema milenar, a desafiar as mais abalizadas e prósperas culturas do mundo para uma solução lógica e sensata.

O amor livre, a liberdade sexual e os experimentos de grupos na busca de soluções definitivas, numa atividade que é transitória, jamais poderão oferecer a solução final. Jesus foi a entidade de maior capacidade criativa no mundo, porque, elevando-se acima das contingências do sexo, recurso específico da procriação, ativou a vida da humanidade, delineando-lhe o destino da felicidade eterna. É tão sintomática a propriedade da necessidade sexual que grandes sábios e gênios da humanidade viviam longo tempo sem sentirem as exigências do instinto animal, tal o gasto de energias que consumiam, visualizando a verdadeira vida do espírito imortal.

Sob a Luz do Espiritismo

Ramatís /Hercílio Maes

Ganhe 15% de desconto na compra deste livro, usando o cupom:

1910-30HE-6LE7-HOCC

(o desconto só irá aparecer no fechamento do pedido, onde existe o campo para inserir o código de desconto acima).

397 visualizações